Segunda-feira, 28 de maio de 2012

Vídeo-receita: risoto na pressão

Vídeo-receita: risoto na pressão

Tem coisa mais brasileira que panela de pressão? Para mim, é a imagem e o som das nossas cozinhas. Mas onde já se viu fazer a mais italiana das preparações na nossa panela?! Óbvio que não vai funcionar, Luiz Américo Camargo. Ah, sim, o Luiz é crítico de restaurantes do Estadão, entre muitas outras funções. É também cozinheiro de mão cheia. E, de vez em quando, é meu conselheiro culinário. Outro dia, ele me perguntou se eu já tinha feito risoto na pressão.

“A proporção é diferente: em vez de três xícaras de caldo para cada xícara de arroz, use somente duas”, explicou Américo. O outro ponto importante é que, depois de 3 minutos apitando, o risoto está pronto.

Risoto feito na pressão é simplesmente incrível. O jantar fica pronto em menos de 10 minutos! A partir da dica do Luiz Américo, fiquei imaginando que, se é para fazer um risoto a jato, não faz sentido preparar o caldo antes. Tentei incluir na receita os vegetais aromáticos que fazem um caldo simples. Assista ao vídeo, perca o medo da panela de pressão e já pra cozinha!





Risoto na pressão – receita caprese
Serve: 4 pessoas
Tempo de preparo: ridículo de tão rápido!

Para o risoto

2 xícaras (chá) de arroz para risoto, como o arbóreo
2 colheres (sopa) de azeite
1 cebola picada fino
1 cenoura ralada fino
1 talo de salsão fatiado fino
½ xícara (chá) de vinho branco
2 folhas de louro
3 cravos-da-Índia
sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo

1. Na panela de pressão com capacidade para 6 litros, aqueça o azeite em fogo baixo. Junte a cebola picadinha e tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto.

2. Enquanto a cebola murcha, rale a cenoura na parte fina no ralador. Mexa a cebola na panela de vez em quando, para não queimar. Quanto ela estiver transparente, junte a cenoura ralada e misture bem.

3. Enquanto a cenoura cozinha um pouquinho, fatie fino o talo de salsão e junte à panela.

4. Junte o arroz, misture bem e tempere com mais um pouco de sal.

5. Regue com o vinho branco e misture até secar.

6. Junte 4 xícaras (chá) de água, o louro e o cravo-da-Índia. Tampe a panela e aumente o fogo para médio.

7. Quando começar a apitar, conte 3 minutos e desligue. Enquanto isso, prepare a caprese.

Para a caprese e finalização

Ingredientes

1 ½ xícara (chá) de mini-muçarela de búfala
1 ½ xícara (chá) de tomate do tipo grape
15 folhas de manjericão
½ xícara (chá) queijo parmesão ralado
1 colher (sopa) de manteiga
azeite a gosto
sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo

1. Leve uma panelinha com 2 xícaras (chá) de água ao fogo médio.

2. Numa tábua, corte em metades os tomates e, em seguida, as muçarelas. Reserve

3. Quando o tempo de cozimento do risoto terminar, desligue o fogo e aguarde o vapor sair completamente para abrir a tampa. (Eu uso o truque do garfo. Assista ao vídeo.)

4. Abra a tampa e misture bem o risoto com uma colher de bambu. Verifique o ponto e o sabor. Se ainda estiver um pouco cru, ou ressecado, vá acrescentando a água quente e misturando bem

5. Quando estiver no ponto, acrescente o tomate, a muçarela, as folhas de manjericão e tempere com sal. Mexa bem, junte o parmesão e, se quiser, regue com mais um fio de azeite. Misture novamente e sirva a seguir.

>> Postado por Rita Lobo 19:36

PERFIL
  • "Cozinhar é libertador, uma ferramenta para uma vida mais saudável e mais saborosa”, costuma dizer Rita Lobo. Para ela, cozinhar é como ler e escrever: todo mundo deveria saber.

    Em 2000, Rita lançou o primeiro site de receitas testadas e fotografadas para a internet brasileira. De lá pra cá, o Panelinha cresceu, ganhou canal no YouTube, virou produtora de TV e editora de livros. Além de dirigir o Panelinha, Rita já publicou seis livros, entre eles os best-sellers Panelinha, Pitadas da Rita e o recém-lançado Cozinha Prática.

    Como publisher da editora Panelinha, Rita lançou livros de autores brasileiros e estrangeiros, entre eles, Pão Nosso, de Luiz Américo Camargo, A cozinha baiana de Jorge Amado, de Paloma Jorge Amado e Jerusalém, sabores e receitas, de Yotam Ottolenghi e Sami Tamimi.

    No YouTube, Rita apresenta o programa Em uma panela só e produziu as séries Pitadas, feita em stop motion, e Santa Rita, técnicas culinárias beeem explicadinhas. Para o canal a cabo GNT, Rita criou e apresenta o programa Cozinha Prática, produzido pelo Estúdio Panelinha.

    Siga @RitaLobo no Instagram, no Twitter, no Periscope e no Facebook.

ARQUIVO